Do Coração do Bispo

APOCALIPTISMO: Apocalipse, apocalíptico ou profético?

Por: Bispo Anderson Caleb

Ao se utilizar a expressão “apocalíptica” muitos hermeneutas equivalem, igualam, aos livros bíblico-canônicos, por exemplo de Ezequiel, Daniel e Apocalipse um vasto número de obras extrabíblicas e não canônicas, surgidas desde o período intertestamentário até o século II. Dentre essas obras temos: Enoque, Apocalipse de Baraque, Jubileus, a Assunção de Moisés, Salmos de Salomão, Os Oráculos de Sibilinos entre outras. Textos que possuem características comuns , como por exemplo: muitos simbolismos, visões, o fim dos tempos como sendo uma catástrofe cósmica, o dualismo Deus x Satanás, manifestação do Reino de Deus, determinismo na história humana, etc…(Gregg e Murphy).

É evidente que Ezequiel, Daniel e Apocalipse possuem algumas dessas características, principalmente o Apocalipse, mas não podemos colocar este livro bíblico na mesma categoria da literatura apocalíptica não canônica. Isso minaria a interpretação correta dos livros canônicos. A interpretação literal, extremamente coerente na interpretação da maioria Escrituras por exemplo, seria difícil de ser usada nesta abordagem. Robert Thomas ( Evangelical Hermenêutica,, p. 338) observou as seguintes diferenças entre o Apocalipse e a literatura apocalíptica:

APOCALIPSE:
Não utiliza pseudônimo

APOCALÍPTICA:
Escrita com pseudônimo,

APOCALIPSE:
Estrutura Epistolar,
Não pessimista em relação ao presente,
Admoestações de ordem moral
Proclama ser uma profecia;
O passado é a base da segunda vinda do Messias;

APOCALÍPTICA:
Sem estrutura Epistolar,
Pessimista em relação ao presente,
Poucas admoestações de ordem moral,
A vinda do Messias é exclusivamente futura,
Não proclama ser profecia.

Creio que “profético” seria uma melhor classificação para o Apocalipse do que “apocalíptico”. Essa classificação identificaria melhor o Apocalipse com os profetas do AT que tanto exortavam o povo ao arrependimento quanto também os consolavam com a perspectiva de um futuro glorioso. O Apocalipse tanto chamou as igrejas da Ásia ao arrependimento quanto as consolou com uma profecia de vitória final dos discípulos de Jesus.

Por ser “profético” (não apocalíptico) o Apocalipse deve ser tratado como qualquer outro livro bíblico profético, usando a interpretação histórica, gramatical e literal . E ainda, a ênfase numa interpretação literal da maioria do Apocalipse impedirá o intérprete a considerar seu conteúdo já cumprido no passado.

Apenas a abordagem futurista do Apocalipse considera o livro como profético, segundo.o próprio livro fala de si mesmo, (Ap 1.3), defendendo que Cristo voltará antes do milênio, esta Hermenêutica usa um padrão baseado no estilo profético, que é coerente com o livro.

A própria interpretação histórico-gramatical e futurista dos livros proféticos do AT , inclusive feita por Jesus (Lc 4.17-21), é a mais indicada na leitura do Apocalipse. Essa interpretação é a que prime por “deixar o texto falar”, nos livrando das opiniões do intérprete.
No século 19 Milton S. Terry escreveu:
” Um princípio fundamental da exposição histórico-gramatical é que as palavras e as frases só podem ter um único significado em relação a um assunto. Quando abandonamos esse princípio ficamos à deriva em um mar de incertezas e conjecturas”.
(1974, p.205).

A Mensagem do Apocalipse é a de que:

Jesus Voltará literalmente,
Isso não é uma alegoria e nem uma utopia;
A Igreja será arrebatada,
Uma grande tribulação vira sobre a terra por u tempo;
Jesus ao voltar, governará pessoalmente a terra,
Jesus julgará os ímpios,
As nações da terra o adoração ,
Habitaremos na Nova Jerusalém com o Senhor,
Reinaremos com Cristo,
A Terra e a natureza serão redimidas;
Novos céus e nova terra existirão;
O bem vencerá o mal;
Satanás e os que rejeitarem a graça de Deus, serão lançados no lago de fogo,
Viveremos com Ele eternamente!

Isso tudo vai acontecer.
É literal.
É nossa bendita esperança.

Bispo Anderson Caleb

Tags
Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Além disso, verifique

Close
Close